terça-feira, 3 de janeiro de 2012

seu Romeu

Eis a poesia da forma que sempre sonhei Feitas em detalhes pelo poeta apaixonado Ditas em versos para a quela que se identifica Apenas palavras , para a quem as vem como tais Mais profundas , ao coração de quem a tanto as esperou Rimas em cantos desafinados aos ouvidos da plebeia Sinfonias aos ouvidos de ti minha princesa Peso que guarde essas palavras , do seu Romeu apaixonado Da infinita forma de amar dedicada a você Que de meus dedos se encerram as rimas Suplicando por sua volta em minha cama 

Nenhum comentário:

Postar um comentário